O verdadeiro dilema: Tu ou você

O verdadeiro dilema: Tu ou você

Salmos 86.10 sublinha a grandeza e unicidade de Deus: “Pois tu és grande e operas maravilhas; só tu és Deus!”. Na passagem, consta duas vezes o pronome hebraico ʾǎt·tā(h), na segunda pessoa, que pode ser traduzido como “tu” ou “você”.

Deus é mencionado como “tu” na maioria das versões bíblicas, até nas contemporâneas Nova Versão Internacional e Almeida Século 21. Mesmo na paráfrase A Mensagem, lemos “Deus, tu és único: Não há ninguém igual a ti!”. Também nos hinos clássicos, ...

Ler mais →
Linguagem e amor

É incorreto chamar Deus de “você”?

A resposta a esta questão foi iniciada em um post anterior. Afirmei que no Brasil, décadas atrás, filhos se dirigiam a pais, tios e avós utilizando o pronome de tratamento “senhor”. Hoje ainda se exige tratamento formal em algumas instâncias da vida civil e comercial, mas os filhos interagem com os pais dizendo “você”.

Na igreja se misturam formalidade e informalidade. Há um aspecto formal da igreja e há uma igreja informal. Em determinado ...

Ler mais →

Pronomes de tratamento na cultura e na igreja

É certo tratar Deus como “você”? O Dicionário Aurélio nos informa que, “em certas partes de Portugal”, o pronome de tratamento “você” “ainda indica respeito, prendendo-se, semanticamente, ao Vossa Mercê”, mas não parece ser este o caso do Brasil. Aqui, até meados do século 20, era virtualmente impensável um filho dirigir-se a seu pai chamando-o de “você”. O tratamento respeitoso de um filho ao pai, de um sobrinho ao tio, ou de um neto ao avô exigia o uso ...

Ler mais →
Nerve

13 Reasons Why, Baleia Azul e o mal-estar adolescente

Se você é pai de adolescente, provavelmente ouviu falar, nas últimas semanas, sobre 13 Reasons Why e a Baleia Azul. 13 Reasons Why, uma série da Netflix, relata a história de uma adolescente que se suicida após sofrer abusos em uma escola norte-americana. A baleia azul é um game app que, segundo dizem, pode conduzir seus participantes ao suicídio. Especialmente este jogo me fez lembrar de outro filme (Nerve), lançado em 2016, sobre Vee, uma jovem que é atraída ...

Ler mais →
Confessionalidade

Confessionalidade na cultura da diversidade

Como ser cristão confessional na cultura da diversidade?

Neste texto, “confessional” significa apegado às confissões doutrinais e, por conseguinte, éticas do Cristianismo que deflui da Reforma Protestante do século 16. Os cristãos reformados abraçam os credos ecumênicos (apostólico, niceno-constantinopolitano e atanasiano), a Confissão de Fé e os Catecismos de Westminster, a Primeira e Segunda Confissões Helvéticas, o Catecismo Belga, o Catecismo de Heidelberg e, mais recente, a Declaração de Cambridge. Incluo também, como “confessionais”, os que abraçam o novo calvinismo holandês ...

Ler mais →
Sex shop

Sobre um cristão montar uma sex shop

Este texto nasceu em um grupo de estudos bíblicos no WhatsApp. Alguém perguntou se seria lícito a um cristão abrir uma sex shop. Ademais, foi questionado se seria pecado um casal cristão “apimentar” a vida sexual com produtos eróticos. Lendo as postagens eu fui também informado de que existem sex shop evangélicas. Daí resolvi escrever um pouco e, ao fim da publicação, alguns irmãos me pediram para compartilhar o texto em meu blog.

O casal de Cântico dos Cânticos

O problema ...

Ler mais →
O homem mau

A luta contra os homens maus

O cristianismo vigoroso da Bíblia, da luta espiritual, tem sido substituído por uma versão afeminada de cristianismo, o cristianismo pacifista que, no fim das contas, não é cristianismo porque não é cristão.

Este falso cristianismo continua, a seu modo, pregando contra o mal, enquanto considera falta de amor e anticristão combater o homem mau. Anuncia a paz como suprema, ao passo que só a glória de Deus é suprema, e esta, em determinados “tempos”, exige guerra (Gn 3.15; Ec 3.8; ...

Ler mais →
Carlinhos Veiga

Música boa e rara

O Rev. Carlinhos Veiga é um colega que anda com Deus e abençoa nossas vidas com música boa e rara. Aqui ele toca e canta com João Carlos Mansur, jovem músico cristão de Brasília. Gostei demais e recomendo.

Ler mais →
O Leão, a Princesa e o Guarda-Roupa

O Leão, a feiticeira e o guarda-roupa: Limitações da arte e ciência na evangelização e doutrinação evangélica [atualizado]

Desde dezembro de 2005, os brasileiros podem mergulhar no universo gelado de O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa, filme produzido pelos Estúdios Disney e Walden Media e dirigido por Andrew Adamsom. A película é baseada no livro de mesmo nome escrito por Clive Staples Lewis, autor irlandês reconhecido como um importante apologista cristão.

O enredo é simples: Durante a Segunda Guerra Mundial, Pedro, Susana, Edmundo e Lúcia vão morar na casa de um professor, longe de Londres, a fim ...

Ler mais →
Brokeback Mountain

Muito perdidos na montanha Brockeback [atualizado]

Ontem fui ao shopping Higienópolis, em São Paulo, após uma semana intensiva de aulas, e assisti ao filme Brockeback Mountain, dirigido por Ang Lee e estrelado por Heath Ledger e Jake Gyllenhaal. O filme relata o drama de dois caubóis norte-americanos que, na década de 60, apaixonam-se um pelo outro enquanto trabalham cuidando de ovelhas, acampados na “montanha Brockeback”. A fita recebeu uma avaliação generosa da Revista Veja de 29 de janeiro, obteve bons resultados de bilheteria até no ...

Ler mais →